14.2.14

Burt ♥ Verona

Sam Mendes
2009
98 minutos
Classificação: 5/5
Away we go (Distante Nós Vamos, ou como saiu em DVD: Por uma vida melhor) é o tipo do filme agridoce, que nos faz pensar sobre os caminhos que tomamos na vida e suas consequências. Ao mesmo tempo, é daquele grupo de filmes como Medianeras (argentino) e Beginners (americano) que discutem a vida jovem contemporânea, mas mantém o visual leve, bonito, artístico. O famoso indie. Particularmente, adoro esse tipo de filme e esses citados acima estão na minha lista de preferidos da vida. Eventualmente vou precisar falar de todos esses filmes aqui. :)

De um diretor cheio de grandes produções no currículo como Beleza Americana (1999) e 007 – Operação Skyfall (2012), o filme conta a história de Burt (John Krasinski), um cara tranquilão que adora fazer piada da vida, mesmo nos piores momentos, e Verona (Maya Rudolph), uma mulher em sua crise de meia idade, madura, grávida e namorada de longa data de Burt. O clima do começo do filme é de crise no relacionamento e financeira, com pessoas sem perspectivas que chegaram na casa dos 30 anos sem nenhuma conquista significativa na vida.

Com os pais de Burt indo morar na Bélgica, livrando eles do peso de viver perto dos sogros e sem lugar fixo para viver, o casal decide sair em uma viagem pelos EUA em busca de um novo ponto de vista na vida e um lugar melhor para criar a futura filha.


Visitando amigos e familiares dos mais diferentes estilos de vida em diferentes cidades norte americanas, o casal repara que não são tão perdidos como o mundo insiste em dizer, e que o conceito de "bem sucedido" é muito relativo nos dias de hoje. Uma das mensagens mais bonitas do filme é a relação forte e madura que eles tem e que a bebê prestes a chegar irá mudar totalmente a vida deles, pra melhor! Que as coisas nem de longe são fáceis, mas que eles podem usar tudo ao seu favor. #clichêmaslindo





Uma das partes mais bonitas é quando eles falam como vai ser a relação deles com a filha. Consegui achar o trecho na internet. Dá play porque eu prometo que serão 2:22 minutos muito bem gastos. Se você não gostar desse trecho, não precisa nem assistir o filme. :)



O filme tem uma história simples mas me ganhou com a leveza, delicadeza e poesia, sem falar nos diálogos ótimos. A relação dos dois é daquela que existe uma em um milhão. Esse casal mostra o porque eu acho que relações duradouras, que tem rotina e história, não passa nem perto de ser uma relação chata, como a maioria das pessoas acham – e me lembrou muito um casal que eu conheço (cof, cof! rs).

A trilha sonora tem o mesmo apelo, com muitas músicas que dá vontade de ouvir durante uma road trip, sem data de volta. Dá vontade de viver. Mas não digo mais, ouça você mesm@:

PS: escrevi esse texto sorrindo, só de pensar no filme. :)
Vai lá ver logo!



2 comentários :

  1. que bonitinho <3 vou assistir esse filme. Adoro medianeras e Beginners também! Ah, mas eu amo esse tipo de filme, um romance leve.

    http://prefirobsides.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lid, não vai se arrepender. Me conta o que achou, depois! :D

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...